barra-vela.jpg

LES SABLES – HORTA 2013

2 lsh hpA quarta edição da regata Les Sables / Horta / Les Sables para iates da Classe ’40 (veleiros com 12 metros de comprimento) largou ao final da tarde de quinta-feira, 4 de julho, daquela cidade francesa [precisamente pelas 19:02 horas locais, mais duas que nos Açores].

Estima-se que as primeiras embarcações da frota possam chegar à ilha do Faial entre os dias 10 e 11 de julho, próximas quarta ou quinta-feira, consoante as condições de vento encontradas em rota.

A competição deste ano, destinada como habitualmente a equipas de dois tripulantes, congrega o segundo maior número de iates participantes, 18 no total, suplantando os 14 da edição de 2011 e os 10 de 2007, embora fique aquém dos 24 veleiros envolvidos de 2009, um ano que foi muito bom em número de inscritos e também pela qualidade dos velejadores então presentes na course.

De entre os participantes deste ano cinco velejadores repetem as experiências de anos anteriores. São eles Axel Strauss (agora no iate “Red”, que foi 3.º classificado em 2009), Christophe Coatnoan (skipper do “Partouche”, que ficou na 6.ª posição, também em 2009), Jean-Christophe Caso (ao leme do “Groupe Picoty”, que terminou a prova de 2009 em 15.º lugar), Jorg Riechers (patrão do “Mare”, que se situou na 4.ª posição em 2011) e Olivier Grassi (co-skipper do “Marie-Galante” que concluiu a regata de 2011 como 9.º classificado).

O alemão Jorg Riechers, um dos mais destacados da frota, navega até à Horta já pela terceira vez, tendo sido o vencedor da primeira etapa da regata Les Sables / Les Açores / Les Sables, para embarcações de outra classe de competição náutica, os Mini 6,5 (veleiros de 6,5 metros), prova realizada no ano de 2010, que lhe permitiu estabelecer como recorde o tempo – que ainda se mantém, como melhor marca de sempre nos percursos à vela no sentido de Sables d’Olonne para a cidade da Horta – de 6 dias, 10 horas, 30 minutos e 10 segundos. Jorg Riechers é navegador profissional, figurando no seu currículo um terceiro lugar no Mundial da Classe ’40, realizado em 2012 em La Rochelle, uma segunda posição na afamada regata Quebec / Saint Malo (igualmente em 2012) e a vitória na Regata do Canal da Normandia, já no corrente ano de 2013.

A classe ’40 de veleiros de competição foi criada em 2004, tem presentemente 132 embarcações inscritas na respetiva associação, engloba 14 provas no seu calendário do corrente ano e traz agora aos mares do arquipélago dos Açores iates muito recentes – 9 dos inscritos foram construídos nos últimos três anos e um outro é já de 2013, o “GDF Suez”, do jovem skipper francês Sébastien Rogues.

A regata Les Sables / Horta / Les Sables é organizada pela municipalidade francesa de Sables d’Olonne, com a colaboração estreita do Institut Sports Ocean e da Associação Class ’40, ambas as entidades também gaulesas, sendo diretor de prova Denis Hugues, personalidade sobejamente conhecida no meio náutico francês e europeu.

Esta prova tem, ainda, os apoios do Conselho Regional do Pays de la Loire, do Conselho Geral de Vendée, do Port Olona, da empresa Atout-Web Informatique e do site na Internet www.skippers.tv. Nos Açores a regata conta com a coordenação logística da Comissão Náutica Municipal da Horta, que integra a Câmara Municipal da Horta, o Clube Naval da Horta, a Portos dos Açores SA e a Associação Regional de Vela dos Açores e recebe o apoio do Governo dos Açores.

Recorde-se que a regata para iates à vela da Classe ’40 Les Sables / Horta / Les Sables (www.lessables-horta.com) se desenvolve entre a cidade francesa que é mundialmente famosa por ser ponto de partida e meta da «Vendée Globe» – a circum-navegação para solitários, sem escalas e sem assistência, em embarcações de 60 pés, que se realiza de quatro em quatro anos – e a ilha do Faial, onde a marina da Horta é também mítica internacionalmente, para o universo de navegadores e velejadores que anualmente cruzam o Oceano Atlântico Norte.

A edição de 2013 desta importante prova para a promoção do turismo náutico açoriano e do arquipélago de uma forma geral conta com a presença de diversos velejadores franceses, alemães e italianos, bem como um britânico, uma norte-americana e uma australiana, tendo sido oportunamente apresentada e promovida no Salão Náutico de Paris, em Dezembro passado, no stand precisamente da «Vendée Globe».

A Les Sables / Horta / Les Sables é uma prova bienal que se iniciou em 2007, na altura com destino à Madeira, e que tem desde 2009 rumado aos Açores, num percurso total de 2540 milhas náuticas, registando como recordistas a dupla Giovanni Soldini / Karine Fauconnier, com o veleiro “Telecom Italia”, que completou a prova de 2009 em 12 dias, 17 horas, 34 minutos e 38 segundos.

Giovanni Soldini e Karine Fauconnier são também os detentores do recorde desta prova no percurso de França para os Açores (em 2009), com 6 dias, 11 horas, 55 minutos e 6 segundos, enquanto o melhor tempo no sentido da Horta para Sables d’Olonne pertence, desde 2011, à dupla Jean-Edouard Criquioche e Jacques Fournier, que com o iate “Groupe Picoty” completou as 1270 milhas de viagem em apenas 5 dias, 14 horas, 46 minutos e 26 segundos.

A segunda etapa da regata Les Sables / Horta / Les Sables, de regresso a França, largará da ilha do Faial, nos Açores, na tarde do domingo, 14 de julho, pelas 17:02 horas (do fuso do arquipélago insular português).