barra-nautica.jpg

No Bana Bodyboard Air Show João Barciela brilhou

joaobarciela hpJoão Barciela é o novo reforço da Science Bodyboards Portugal e começou a tirar partido destas pranchas da melhor forma. "Armado" com uma Thomas Rigby Loaded Core, o bodyboarder de Carcavelos triunfou no fim-de-semana 13/14 de Abril, no Bana Bodyboard Air Show.

Trata-se de um campeonato diferente, em que os atletas ganham dinheiro em troca de manobras. Depois de dois heats muito bem conseguidos, Jofi (nome de guerra de Barciela) abriu o livro na final de uma hora e fez tudo: Invert, ARS, air reverse, 360 aéreo e um backflip. Um compêndio de manobras aéreas que lhe garantiu a vitória na prova e 200 euros (50 para a melhor performance do campeonato).
"Ainda estou meio atordoado com esta final", confessou João Barciela ainda de fato molhado, acrescentando:
"Foi um grande campeonato com grandes ondas e onde não fui só eu que ganhei, mas todos os atletas que competiram aqui hoje e o bodyboard. Provámos que se consegue fazer um grande campeonat com pouco dinheiro."
Quanto à sua prancha, Barciela não escondeu o entusiasmo, referindo-se à sua Science Thomas Rigby Loaded Core como "a melhor prancha que tenho desde 1900! É perfeita para manobrar".
Também estiveram neste campeonato os atletas da Science Zsolt Lorincz e Hugo
Pinheiro, com este último, vice-campeão nacional oriundo da Caparica a fazer assim o resumo da sua participação no Bana Bodyboard Air Show:
"Foi talvez o campeonato mais giro em que participei. O formato é espectacular e o facto de ganharmos dinheiro com as manobras... Não é pelos 10 ou 20 euros, mas pela piada da coisa, dá uma 'pica' diferente. Toda a organização e atletas estão de parabéns porque creio que foi um campeonato verdadeiramente extraordinário!"