barra surf

Yago Dora é o campeão do Azores Airlines Pro 2017

1 yagoMantendo a tradição deste evento, o surfista brasileiro Yago Dora venceu hoje o Azores Airlines Pro 2017 presented by Seat, amealhando uns importantes 6.000 pontos para o ranking mundial de qualificação.
Yago, que até ao ano passado raramente competia, é cada vez mais visto como a resposta brasileira ao actual campeão mundial, o havaiano John John Florence. 
O jovem de 21 anos, que com este resultado subiu à segunda posição do ranking de acesso à elite mundial e praticamente garante os pontos suficientes para a sua entrada no Championship Tour de 2018, foi o sexto surfista brasileiro a vencer a prova açoriana, em nove edições. 
Em boas ondas de um metro, um pouco mexidas pelo vento moderado, Yago bateu o seu compatriota Michael Rodrigues numa final bastante renhida, que teve os dois surfistas na liderança, alternadamente. Michael não conseguiu a vitória mas ainda assim conseguiu fazer a sua segunda final em etapas de 6.000 pontos, em cinco dias apenas (Michael foi igualmente finalista na etapa galega, no domingo passado). 
Nas meias-finais, em terceiro lugar ex-aequo, ficaram o último representante anglo-saxónico, o australiano Wade Carmichael e o também brasileiro Bino Lopes.
Nos quartos de final, disputados logo pela manhã, terminaram as suas prestações em quinto lugar o australiano Davey Cathels, o brasileiro Peterson Crisanto e os espanhóis Gony Zubizarreta e Aritz Aranburu. Mesmo com esta excelente prestação, Gony não conseguiu voltar à liderança do ranking europeu, ainda mantida pelo francês Jorgann Couzinet.