barra-surf

Red Bull Cliff Diving arranca na Colômbia

jucelino hpDepois de ter recebido as qualificações pela primeira vez este ano, a Colômbia volta a entrar na rota do Red Bull Cliff Diving World Series ao ser o destino da primeira etapa da época de 2015.
O encontro está marcado para Cartagena (25 de abril), onde uma lenda chamada Orlando Duque tudo fará para brilhar em casa. Mantendo a tradição, a competição regressa em julho aos Açores para um reencontro com as origens da modalidade. 
A época de 2015 do Red Bull Cliff Diving World Series já está em contagem decrescente, com muitas novidades e alguns regressos numa intensa viagem por oito países e três continentes, incluindo Portugal (São Miguel - Açores). Esta será a primeira vez que a competição arranca da América Latina, com todas as atenções centradas na Colômbia - onde a cidade de Cartagena recebe no dia 25 de abril a etapa de abertura. 
Vencedor da primeira edição do Red Bull Cliff Diving em 2009, o colombiano Orlando Duque continua aos 41 anos a ser o grande embaixador do desporto nascido há mais de 200 anos no Havai - arquipélago onde reside atualmente. Embora tenha cedido terreno à mais nova geração de saltadores - com especial destaque para o Tetra Campeão Gary Hunt - Duque mantém as suas qualidades e argumentos. 
Para este arranque será visível o lado mais urbano e humanizado do Cliff Diving, com a ação montada no Centro de Congressos de Cartagena - um complexo inserido numa cidade conhecida durante séculos pela fama dos seus piratas e entretanto transformada num dos principais pólos turísticos colombianos. 
Um total de 14 atletas de sete nacionalidades vão medir forças num ambiente que promete temperaturas acima dos 30 graus e uma humidade elevada. Para além dos nomes de sempre, onde se incluem Duque, Hunt e Silchenko, destaque para a presença de Jucelino Junior, o primeiro brasileiro a conquistar um lugar no quadro permanente do Red Bull Cliff Diving World Series. 
Portugal continua a figurar no calendário, com os Açores a reforçarem este ano o seu peso graças ao alargamento ao setor feminino - com as senhoras a saltarem pela primeira vez em julho próximo do ilhéu de Vila Franca do Campo. 
 
Foto: Dean Treml | Red Bull Contentpool