barra-nautica

Meeting Dipol 30 anos

1 huelvaO estaleiro espanhol Dipol de Huelva, cujas embarcações são motorizadas pela Yamaha, organizou em parceria com a Yamaha Sucursal de Portugal, um meeting em El Rompido junto a Huelva, nos dias 25 a 28 de Outubro, para comemorar o aniversário dos 30 anos da Dipol.
Para este meeting foram convidados os distribuidores da Dipol e Yamaha e a imprensa especializada. O objectivo foi apresentar e testar todos os dez modelos de uma gama reconvertida que incorpora muitas novas características. 
Desde que iniciou a construção de embarcações em PRFV, o estaleiro Dipol começou por fornecer barcos para a pesca profissional. Para melhor satisfazer os pescadores, o estaleiro desenvolveu as embarcações com as características mais adequadas para navegar no mar, com estabilidade, robustez e boas performances com motores de potências reduzidas. Isto foi conseguido desenvolvendo a construção do casco com as estruturas longitudinais e transversais, muito reforçadas e semi-planante à popa.1 huelva1
Quando começou a construir embarcações para o recreio, a Dipol manteve o mesmo conceito quanto às características dos cascos, com um V evolutivo muito acentuado à frente, que se atenua no último terço do casco e é semi planante na popa. Por essa razão, os barcos Dipol caracterizam-se pela facilidade no arranque e por um bom desempenho, com motores de baixa potência. 
Para além da característica especial do casco, os barcos Dipol estão vocacionados para os pescadores, incorporando tudo o que é preciso para uma jornada de pesca. Se não está no equipamento standard está nos opcionais
Com o apoio da Equipa Dipol - Yamaha Marine o evento iniciou-se com uma sessão de fotoshooting com o registo de fotos e vídeos para um novo catálogo e a página web Dipol. Seguiram-se os testes a partir de uma pequena e muito funcional marina.
O plano de água calmo em El Rompido é excelente para os testes de arranque, aceleração e velocidades máximas, facilitando excelentemente o nosso trabalho das medições.
Como as embarcações Dipol não exigem altas potências para terem bom desempenho, foi interessante o equilíbrio barco/motor que medimos
 
Dipol P-680 / Yamaha FT50 JETL
Barco pescador profissional com motor de punho
Arranque: 1,95 seg - 11,4 nós
Velocidade máxima: 22 nós
Cala D-400 / Yamaha F25 GEL
Barco de convés aberto com consola de condução
Arranque: 2,34 seg - 9 nós
Aceleração às 5000: 12 nós - 4,64 segundos
Velocidade máxima: 20.5 nós - 5600 rpm
Cala D-450 / Yamaha F30 BETL
Barco de convés aberto com consola de condução
Arranque: 1,79 seg - 10,9 nós
Aceleração às 5000 rpm: 19 nós – 8 seg
Velocidade máxima: 23 nós às 5800 rpm
Fragata 510 / Yamaha F70 AETL
Barco open com consola de condução, polivalente pesca, com mesa e solário
Arranque: 1,56 seg - 12,3 nós
Aceleração às 5000 rpm: 23,8 nós - 8,91seg
Velocidade máxima: 25,5 nós - 5800 rpm
580 Open / Yamaha F100 FETL
Barco polivalente com consola de condução, para a pesca e passeio, com mesa e solário
Arranque: 1,72 seg – 11,82 nós
Aceleração às 5000 rpm: 21,3 nós - 6,47 seg 
Velocidade máxima: 28 nós - 5600 rpm
600-Sport / Yamaha F100 FETL
Barco polivalente de pesca e passeio com posto de pilotagem, cabina para pernoitar, mesa e solário
Arranque: 1,91 seg - 12,4 nós
Aceleração às 5000: 21 nós - 6,94 seg.
Velocidade máxima: 27,6 nós - 5700 rpm
600 Open / Yamaha F150 GETL
Barco polivalente com consola de condução, para a pesca e passeio, com mesa e solário
Arranque: 1,44 seg - 13,4 nós
Aceleração às 5000 rpm: 27,8 nós - 6,47 seg
Velocidade máxima: 35,7 nós 5600 rpm
580 Timonera / Yamaha F80 DETL
Barco pesca passeio com cabina de pilotagem e cabina para pernoitar
Arranque: 1,81 seg - 11,7 nós
Aceleração às 5000 rpm: 20,8 nós - 7,41 seg
Velocidade máxima: 31,6 nós - 5800 rpm
600 Timonera / Yamaha F115 BETL