barra-surf1.jpg

Jonathan Paredes é o novo Campeão do Red Bull Cliff Diving World Series

1 jonathanO mexicano Jonathan Paredes é, aos 28 anos, o novo Campeão do Red Bull Cliff Diving World Series. Para vencer o mais importante circuito mundial de saltos para a água de grande altura, Paredes contou com um momento de desatenção do britânico Gary Hunt – que todos os analistas consideravam ter praticamente garantido o sétimo título da sua carreira.
Esta etapa decorreu em território chileno, no norte da Patagónia, mais concretamente no Lago Ranco. Todo o pódio masculino foi de alguma forma inesperado, com o checo Michal Navratil a chegar pela primeira vez este ano aos lugares de honra (2º lugar) e o wildcard italiano Alessandro De Rose (3º lugar) a voltar a brilhar, depois da recente vitória em Itália. 
Nas senhoras, a australiana Rhiannan Iffland regressou à sua melhor forma e garantiu o título depois de quatro vitórias em seis possíveis: “Foi duro chegar aqui depois da lesão que sofri e ainda não acredito que consegui voltar ao topo”. A sua compatriota Helena Merten também foi feliz, juntando mais um pódio nesta etapa ao segundo lugar da geral do campeonato. 
Com as contas do ano fechadas, ficou também já decidido o alinhamento para 2018 – que junta os seis melhores de 2017 aos quatro que mais pontuaram num conjunto de nove competições (incluindo aqui a Taça do Mundo e Campeonato do Mundo da FINA). Assim, além de Paredes (MEX), Hunt (GB), Aldridge (GB), De Rose (IT), Jones e Colturi (EUA) têm lugar Navratil (CZE), LoBue (EUA), Duque (COL) e Kolanus (POL). 
Nas senhoras Iffland (AUS), Merten (AUS), Jimenes (MEX) e Huber (EUA) vão competir em 2018 com Nestsiarava (BLR), Bader (GER) e Lysanne Richard (CAN). 

Mar em Português em debate nos Jerónimos