barra-vela.jpg

Gary Hunt conquista a ponte de Mostar

1 monsterA quinta etapa do Red Bull Cliff Diving World Series disputada no último fim de semana (16 de setembro) na Bósnia e Herzegóvina trouxe de volta aos lugares cimeiros o atleta mais cotado do circuito mundial – o britânico Gary Hunt. Em femininos a ausência da australiana Rhiannan Iffland, devido a lesão, abriu espaço para a consagração da norte-americana Cesilie Carlton.
Hunt tinha até aqui alguma dificuldade em mostrar toda a qualidade dos seus saltos em etapas realizadas a partir de pontes, falhando sucessivamente o lugar mais alto do pódio. Este jejum terminou e permitiu a Hunt voltar ao comando da classificação geral, quando falta apenas uma etapa para o fim da época de 2017. 
Em femininos, a ausência da australiana Rhiannan Iffland, devido a uma lesão nos treinos, veio abrir espaço para outras protagonistas. A vencedora foi a norte-americana Cesilie Carlton, ficando os restantes lugares do pódio completos por Helena Merten (Austrália) e Anna Bader (Alemanha). Carlton estava radiante com este sucesso, depois de uma época que classificou até aqui como “terrível”. 
A próxima e derradeira etapa de 2017 do Red Bull Cliff Diving World Series viaja até ao Chile no final de Outubro.
 
Foto:Dean Treml Red Bull Content Pool

Mar em Português em debate nos Jerónimos